Débora Nascimento e Marina Ruy Barbosa trocam farpas e levam web à loucura com indiretas

A polêmica entre Débora Nascimento e Marina Ruy Barbosa está mais quente que nunca e voltou a dar o que falar nesses últimos dias.

Tudo por conta de um post enigmático de Débora em seu perfil oficial no Instagram que os internautas logo ligaram como uma indireta para a atriz de O Sétimo Guardião.


“A verdade é nítida como água cristalina. Que sociedade é essa que acredita naquilo que convém e não presta atenção no outro? Não se iluda, você é forte o suficiente para enfrentar a verdade e entenderque a mentira perde espaço a cada dia. As forças do bem são mais poderosas. Isso é fato”, escreveu ela que também acrescentou as hashtags “Não foi engano”“Não culpe a natureza” “Não me chame de boneca”.

Os internautas não perderam tempo e logo ligaram o texto de Débora a uma mensagem de Marina Ruy Barbosa que pediu para não ser chamada como a boneca Barbie após desejar um Brasil melhor.

“‘Não me chame de boneca’….gente, vocês estão ligados da bolsominian que disse ‘não me chame de Barbie’…’Não foi engano’…é uma indiret!”, afirmou um internauta. “Indireta não, direta…Está mais claro que água”, afirmou outra seguidora. “Conheço uma moça dos cabelos avermelhados que disse essa frase”, disparou outro internauta.

Elas trocaram farpas através de curtidas e a ruivinha curtiu um comentário de um fã que saiu em sua defesa. “Tá e o #Nãoculpeanatureza entra em que contexto na situação com a Marina? Foi só para gerar likes e render comentários mesmo”.

Débora também não deixou barato e curtiu um comentário sobre Marina. O povo fica falando de indireta, mais direta que isso impossível! #EstouComDébora.”

 

View this post on Instagram

 

A verdade é nítida como água cristalina. Que sociedade é essa que acredita naquilo que convém e não presta real atenção no outro? Não se iluda, você é forte o suficiente para enfrentar a verdade e entender que a mentira perde espaço a cada dia. As forças do bem são mais poderosas. Isso é fato. #NãoFoiEngano #NãoCulpeANatureza #NãoMeChameDeBoneca . . art @zeewipark

A post shared by Débora Nascimento (@debranascimento) on

DÉBORA NASCIMENTO ABRE O JOGO SOBRE A CRIAÇÃO DE SUA FILHA COM JOSÉ LORETO 

Débora Nascimento abriu o jogo e revelou como é o estilo de criação de sua filha, Bella – fruto de sua relação com o José Loreto. Após passar por um longo drama familiar que foi exposto por diversos veículos de comunicação, a atriz tem se dedicado à sua personagem em “Verão 90”, trama das 19h da TV Globo, e da herdeira, de 11 meses.

Conto de fadas é tudo de que eu fujo. Não quero que isso tenha nenhuma relação com a criação da minha filha. Não a crio para ser uma princesa. Nós somos as donas do castelo, o dragão é nosso amigo, a espada a gente que levanta. A educação dela é livre”, declarou a famosa à revista Glamour.

Separada de José Loreto desde o início do ano, a morena destacou a importância da interação entre pai e filha. “A relação é ótima. Eles se amam”, explicou.

Débora ainda contou que a criação que dá para Bella é totalmente diferente da que recebeu quando era pequena. “Eu era só uma criança e já me incomodava com imposições que me eram feitas. Saí de casa aos 15 anos para trabalhar e fui expandindo meus horizontes. Entendendo a igualdade de direitos. Que eu podia sentar como quisesse, fazer capoeira, ter o cabelo que eu escolhesse. Que podia me sentir livre porque na verdade eu era”, avaliou.

E continuou: “Meu feminino começou a pulsar livre neste momento, depois de muita dor e opressão. Mas até hoje, aos 33, me sinto oprimida como mulher em vários momentos”.

A Gisela, da trama global, ainda contou que estava mais que pronta para encarar o papel de ser mãe em sua vida. “Sei exatamente quando foi e foi lindo. Estava pronta para tirar o foco de mim e dividir minha aura. Tive esse desejo profundo, que era meu, e não tinha nada de ‘ai, vou dar um filho para alguém’ ou ‘meu casamento merece isso’. Meu amor por mim mesma me deixou pronta para dividir a energia vital que existe dentro de mim. Eu queria ela, a Bella – já tinha nome”, concluiu.



Comentários: (0)





G4 Educação


Anhanguera
Anhanguera
Anhanguera