Reynaldo Gianecchini revela antipatia de Carolina Dieckmann por ele

Em entrevista ao programa “Lady Night” da Tatá Werneck, o ator Reynaldo Gianecchini revelou que seu início de trabalho com a colega Carolina Dieckmann, durante as primeiras gravações da novela “Laços de Família”, não foram nada fáceis.

“Tive dificuldade um pouco com a Carolina. Rolou um tempo para a gente se harmonizar, isso eu falo até pra ela. No começo, não rolou uma empatia dela para mim. Acho que ela não curtiu muito. Depois, reverteu tudo e eu amo a Carol. Mas é engraçado isso da não empatia”, disse o ator.

Por outro lado, Reynaldo Gianecchini contou a Tatá Werneck que foi muito bem recebido pelas atrizes mais experientes da trama: Vera Fischer e Marieta Severo.


Reynaldo Gianecchini também lembrou da sua época de “Belíssima” novela de Silvio de Abreu, que está no ar no “Vale a Pena Ver de Novo”. O ator contou sobre a dificuldade que teve para conseguir um papel que não fosse o mocinho, se desvincular do rótulo de galã e partir para um personagem mais cômico: “Foi um grande momento na minha carreira. Este trabalho me deu a oportunidade de atuar não como um galã, mas em um papel cômico, diferente de tudo que havia feito”.

Reynaldo Gianecchini está escalado para a próxima novela de Walcyr Carrasco “Dias Felizes” e também para a continuidade de “Verdades Secretas parte II” que tem previsão de ir ao ar no final do ano que vem.

Visualizar esta foto no Instagram.

E esse homem lindo e gentil desfilando na minha frente? @reynaldogianecchini tem hoje no #ladynight as 22:30 no multishow Giane como vc nunca viu ?❤❤?? sou fã!

Uma publicação compartilhada por Tata Werneck (@tatawerneck) em



Comentários: (0)







Anhanguera
Anhanguera
Anhanguera