‘Está incrível’, diz coreógrafo sobre novo ‘The Rocky Horror Picture Show’

Em entrevista, Tony Testa falou sobre remake do clássico dos anos 1970: “Foi muito trabalho, são 53 minutos de música e mais de 20 canções”

Mais de 40 anos depois do lançamento original, em 1975, “The Rocky Horror Picture Show” ganhará um aguardado remake no dia 20 de outubro, e os fãs podem as expectativas bem altas. Quem garante é o coreógrafo Tony Testa, que trabalhou na produção do novo longa.

Com Laverne Cox%2C remake de

Com Laverne Cox, remake de “The Rocky Horror Picture Show” estreia em 20 de outubro nos Estados Unidos

Foto: Divulgação

“Está incrível! Foi um trabalho muito bom”, contou o coreógrafo sobre “The Rocky Horror Picture Show” em entrevista em Vancouver, no Canadá, enquanto trabalhava no set de um novo filme. “Foi um trabalho árduo, mas muito gratificante”, confessou.

Produzido originalmente em 1975, o filme conta a história de um casal que está fugindo de uma tempestade e acaba encontrando abrigo no castelo de um cientista transexual. O que o casal não é que o Dr. Frank N Furter sonha em construir um homem que satisfaça seus desejos – e vai tocar o seu projeto com ou sem seus convidados lá.

Na versão original, o longa era estrelado por Barry Bostwick, Susan Sarandon, Richard O’Brien e Peter Hinwood, com Tim Curry no papel do Dr. Frank N Furter. Já na nova produção, quem faz o papel do cientista é Laverne Cox (“Orange is the New Black”), acompanhada por Victoria Justice, Ryan McCartan e Staz Nair.

Pupilo de Kenny Ortega%2C Tony Testa é coreógrafo de

“Tivemos um elenco espetacular, um time de designers espetacular. Eu não consigo pensar em mais coisas boas para dizer”, contou Testa. “Foram 53 minutos de música e mais de 20 canções”, adiantou o coreógrafo.

Time de primeira

Pupilo de Kenny Ortega, diretor do remake, Tony Testa já tem uma vasta experiência coreografando produções para o cinema. Seu primeiro trabalho foi em “This Is It”, o show de Michael Jackson que acabou virando um filme após a morte do cantor, em 2009, e também foi dirigido por Ortega. “Tive muita sorte desse ser meu primeiro trabalho no cinema”, confessou Testa.

Agora, a grande expectativa é pelo remake do longa de Jim Sharman, que será lançado nos Estados Unidos em 20 de outubro na rede americana Fox. “Eu assisti ao filme umas seis ou sete vezes e está incrível. Foi um presente poder tocar num clássico de 41 anos. Quantas vezes essa oportunidade aparece?”, comemorou Tony Testa.

O remake de “The Rocky Horror Picture Show” ainda não tem previsão de lançamento no Brasil.


Anhanguera

Comentários: (0)





G4 Educação


Anhanguera
Anhanguera
Anhanguera