Ator de ‘Game of Thrones’ usa a mesma roupa há 5 anos: ‘Você cria uma relação’

Daniel Portman vive Podrick Payne e fala sobre o crescimento do personagem e Brienne: “Boa química na tela e fora dela”

Em sua sexta temporada, “Game of Thrones” continua uma das séries mais queridas pelo público. Tantos enredos e personagens deixam pouco espaço para destaques, mas o jovem Podrick Payne, vivido por Daniel Portman, foi uma exceção. O escudeiro de Tyrion Lannister (Peter Dinklage) apareceu na história na segunda temporada e, desde então, conquistou seu espaço na série. Em entrevista cedida ao iG pela HBO, o ator comentou a evolução de seu personagem, trabalhar com Gwendoline Christie, a Brienne, e os novos acontecimentos da trama.

Daniel Portman vive o escudeiro Podrick Payne em

Daniel Portman vive o escudeiro Podrick Payne em “Game of Thrones”

Foto: Divulgação/HBO

“Nesta temporada, com certeza ele vai virar um homem. Podrick não é mais um adolescente desajeitado, desastrado e inseguro. Foi maravilhoso ter a oportunidade de fazer isso, porque no início da série eu tinha 19 anos e agora tenho 24. De certa forma foi um processo semelhante para mim”, contou Portman.

Podrick ganhou ainda mais destaque na história quando se encontrou com Brienne e, juntos, partiram em busca de Sansa Stark (Sophie Turner). A intérprete da forte personagem feminina só ganhou elogios do colega. “É muito difícil não se dar bem com a Gwendoline! Ela é uma pessoa legal e torna o trabalho todo muito fácil. Tivemos uma boa química na tela e fora dela. Conversamos sobre muitos assuntos, mas sabemos quando está na hora de trabalhar. Ela tem um coração maravilhoso e é uma pessoa contagiante. Além disso, é claro, é uma grande atriz. Eu não poderia trabalhar com uma pessoa melhor”, disse.

No final da quinta temporada, Sansa finalmente é encontrada e, para o ator, o relacionamento entre o escudeiro e Brienne vai mudar de agora em diante. “Mas acho que o Pod entende qual é o lugar dele nessa situação, por tudo que ele aprendeu em King’s Landing e com o Tyrion no passado. Sempre achei que o Podrick tinha certa preocupação com a Sansa, por ter visto como ela era tratada. Acho que ele irá se sentir aliviado por saber que ela está em boas mãos, sã e salva”.

Novos e velhos acessórios
Trabalhar na série de maior sucesso mundial atualmente é uma responsabilidade enorme e Daniel reconhece essa importância. “‘Game Of Thrones’ se tornou um fenômeno cultural. E isso está ficando cada vez maior e maior, e você é cada vez mais reconhecido. Eu tenho notado isso todos os anos. Sempre me pergunto se vai continuar crescendo, e cresce! É dessas séries que sempre vão crescendo, sem parar”.

Daniel Portman

Daniel Portman

Foto: Reprodução/Instagram

Há cinco anos na atração, só na atual temporada que o ator realizou um dos seus maiores desejos. “As espadas! Eu esperei durante anos para colocar as mãos em uma e, nesta temporada, fiz uma cena a cavalo e pude empunhar a minha própria espada. Esse é o tipo de coisa com que você sonha quando criança!”.

Enquanto a espada foi novidade, outros acessórios usados por Pod na série já são para lá de conhecidos de Portman, quetem usado as mesmas roupas para o personagem. “Todos os anos tinham que alargar os ombros e o resto, mas tem alguma coisa nessa roupa que eu gosto muito – o fato de ter a mesma coisa ao longo da história, desde que eu comecei até agora. Eu acho muito legal! Você desenvolve uma relação com a roupa depois de usá-la durante cinco anos, o que é estranho”.

“Um cara legal”
O carisma do personagem é mais do que suficiente para Podrick ter uma legião de fãs, e Daniel até cogita um nome para eles: “‘Podetes’? É ótimo ter a oportunidade de interpretar um cara essencialmente bom, um cara legal, em um mundo cheio de pessoas com segundas intenções e ideias maquiavélicas. Ele é meio uma lenda”.

Sobre o futuro do escudeiro, o ator arrisca que ele deveria voltar à servir os Lannisters. “Talvez eu quisesse vê-lo de volta ao lado do Tyrion. Gostaria que ele se tornasse um cavaleiro e acho que está demonstrando ter todas as características necessárias para ser um: ele é honesto, nobre, bom lutador e bom com as mulheres. Tudo isso é extremamente importante para um cavaleiro”.

“Também acho que haveria um momento dramático maravilhoso se o Tyrion estivesse com problemas de novo e o Pod conseguisse salvar a situação, ou se simplesmente eles se esbarrassem de novo no fim para todo mundo ter um final feliz. Não se pode descartar isso, não é?”, imagina.



Comentários: (0)





G4 Educação


Anhanguera
Anhanguera
Anhanguera